22 de out de 2011

Graça

Mulheres todas belas
Artistas famosas ainda mais belas só talvez pelo nome
Há aquela anônima ainda mais bela
Que vale pelo que nos consome
E que não fica em redoma
Porque em meu coração ainda mais soma
Ah,minha mulher
Que amedronta meu medo
Que tem no compartimento do prédio
De meu tédio
Sua cadeira ativa
Mesmo não sendo minha cativa
Muito mais me tesa
Do que toda aquela que trapaça
Que esconde na plástica sua raça
Não a minha que aceita o tempo
Que jamais apagará a sua graça.

A de Antônio

Nenhum comentário:

Postar um comentário