15 de ago de 2011

O MEU, O SEU E NOSSO PAI

Pai não é aquele que colocou você no mundo
Pai é aquele que mesmo distante, ausente
é penetrante sua imagem em nosso ser
e é presente em todo instante
do nosso viver
Pai não é o herói
banido
em busca de aventuras
pai é aquele bandido
de arma em punho a nos roubar nossas vontades
e saber que suas verdades
são as nossas aventuras
Pai é aquele que sabe o que o filho quer
e chega na hora
mais necessária em nossas reflexões
Pai é aquele que com paixões
nos envolveu
nos encaminhou
e por isso sofreu
Pai é aquele olhar
que mostrou os caminhos.
veredas
Pai é aquele que mostrou a direita
mas também ofereceu esquerda
pra se safar das imposições
das impunidades
e a não se preocupar com as humilhações
Pai é o meu pai
Pai é o seu pai
Pai é de todos nós filhos
E para entender o que é um pai
não precisa ter filhos
por que pai
só se tem o seu
E só depois que a gente sai
que a gente vê
o que é ficar sem pai. 

A de Antônio

Nenhum comentário:

Postar um comentário